Justiça

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Em RO, família de agricultores desaparecidos no AM quer que PF investigue o caso

Desaparecimento completa um mês no domingo (14). Polícia Civil do Amazonas já trata o caso como homicídio.

COMPARTILHE

 

 

Familiares dos agricultores Flávio de Lima de Souza, Marinalva Silva de Souza e Jairo Feitosa, que desapareceram dezembro do ano passado quando tiravam fotos de uma área de assentamento na região de Canutama, na divisa de Porto Velho com o Amazonas, querem que o caso seja investigado pela Polícia Federal (PF). Até esta sexta-feira (12) ninguém foi encontrado na mata, quase um mês depois.

 

 

Jucicleia Lima de Souza, irmã de Flávio de Lima, explica que a região foi reconhecida pela Justiça Federal como área da União, o que, segundo ela deve caracterizar como federal os crimes praticados na localidade.

 

 

 

“A Polícia Civil tem muito boa vontade, mas acredito que o caso envolve coisa grande que a PF teria mais facilidade em apurar”, avaliou.

 

 


De acordo com os familiares dos desaparecidos, o caso já é investigado pela Polícia Civil do Amazonas como homicídio, mas nenhum indício concreto foi encontrado ainda. A Polícia Civil de Porto Velho e o Exército prestaram apoio nas buscas e apuração do caso.

 

 

 

“Ainda temos esperança, mas, se o pior tiver acontecido, queremos ter ao menos o direito de realizar o enterro”, declarou Jucicleia.

 

 

 

Na última segunda-feira (8), uma comissão formada por parentes das vítimas manteve contado com o Ministério Público e com a Polícia Civil do Amazonas, mas não obteve nenhuma novidade sobre o caso.

 

 

 

 

No começo de janeiro, a Justiça do Amazonas determinou a prisão de dois suspeitos, um dono de uma madeireira, que mora em Porto Velho, e um caseiro. Ambos teriam terras em Canutama.

 

 

 

A Justiça emitiu também mandados de busca e apreensão na casa dos dois suspeitos. Um dos suspeitos, o madeireiro, já esteve envolvido em um caso de ameaça a um grupo de sem-terra, no ano passado.

 

 

 

A propriedade onde os três agricultores estavam é alvo de um processo na Justiça do AM e a posse da terra está sendo discutida entre autoridades.

 

 

 


Segundo familiares dos desaparecidos, a Justiça Federal deu ganho de causa aos assentados. “Acredito que esse seja o motivo do crime, diz Jucicleia Lima.

 

 

Cinco dias depois da comunicação do desaparecimento, soldados do Exército Brasileiro assumiram as buscas pelos três agricultores.

 

 

 

A Polícia Civil do Amazonas também informou que enviou policiais à região para ajudar nas buscas dos três desaparecidos. Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas, as buscas foram feitas no assentamento “Arara”, que pertence ao Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

 

 

 

Depois de quatro dias de buscas, no dia 24 de dezembro, o Exército suspendeu os trabalhos na área.

 

 

 

De acordo com o Coronel Alexandre Fonseca, do 54º Batalhão de Infantaria de Selva, responsável pelas buscas, toda a área foi vasculhada, mas os agricultores não foram encontrados.

Fonte: Por G1/RO
VERSÃO IMPRESSA

EDIÇÃO 0153

ERIELTON VENTUROSO

Rolim de Moura - RO

Noticiário Geral

Neri P. Carneiro

Rolim de Moura - RO

Variedades

Acir Gurgacz

Porto Velho - RO

Política

Luiz Paulo - DESTACA

Rolim de Moura - RO

Geral

Fernando Garcia Lima

Rolim de Moura - RO

Folha da Mata

Onça mata homem e restos são encontrados em acampamento. Assista ao vídeo

1573 visualizações

Cobra engole galinha e morador grava vídeo do descaso de JACI-PARANÁ

313 visualizações

ROLIM DE MOURA: Camionete F1000 atropela casal em motocicleta deixando marido morto e esposa ferida

212 visualizações

Em 4 dias, Dora se torna a cacolaense mais conhecida de todos os tempos!!!

447 visualizações

CORPO DE HOMEM É ENCONTRADO EM ENCHENTE CENAS FORTES

293 visualizações

TRIBUNA TOP DO POVO - Aqui você é Top!

Todos direitos reservados - Maio/2013 - Rolim de Moura - RO

EXPEDIENTE: Diretor responsável: ERIELTON VENTUROSO PINHEIRO - DRT/RO 1409 - Fone: (69) 8415-5956

Jornalista Responsável: ERIELTON VENTUROSO PINHEIRO - DRT/RO 1409 - Fone: (69) 8415-5956

Arte Finalista e Designer: Criação e tratamento de Artes: Fábio Jaguar - Fone: 8501-9990

Fotógrafos: João Evangelista - Fone: 8408-7908 / José Colde - Fone: 8407-0915

Contato: (69) 3442-6961 / tribunatop@hotmail.com / erieltonventuroso@hotmail.com

WEBMAIL ADM